sexta-feira, 12 de junho de 2009

Sono

Comecei essa semana e está dando certo....postando rapidinho porque estou com o Matheuzinho no colo...o Rafa tá dormindo..seguindo as instruçoes abaixo



Estabelecer um ritual é o primeiro passo para estimular o sono da criança
Tatiana Pronin

http://cienciaesaude.uol.com.br/ultnot/2009/06/02/ult4477u1703.jhtm


Colocar o filho na cama é um martírio para uma parcela grande de pais. A criança barganha até o último minuto para ficar na sala, reluta para ficar sozinha no escuro ou levanta no meio da noite, pedindo companhia. Nessas horas, por cansaço, a vontade que dá é dividir o cobertor com o pequeno, o que é um erro, segundo especialistas.
Deixar a criança dormir com ursinho ou boneca é um costume bem-vindo: o brinquedo passa a ser associado ao sono
e vira substituto para a presença dos pais

Ensinar a criança a dormir sozinha é uma arte e inclui uma mudança na dinâmica da família toda, como afirma o pediatra e especialista em medicina do sono Gustavo Moreira, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). E o termo, ele diz, é realmente "ensinar", " e não 'fazer' a criança dormir", esclarece.

A dificuldade tem origem nos primeiros meses de vida. Em primeiro lugar, não há luz na barriga da mamãe, portanto é natural que leve algum tempo até relacionar o sono ao período da noite. Além disso, o bebê é acostumado a dormir no colo da mãe, depois de mamar, e habituar a criança a dormir sozinha, mais tarde, vira um desafio.

A principal regra para que a criança durma sem sofrimento é estabelecer um ritual. Isso significa que, pelo menos uma hora antes de dormir, é preciso puxar o freio e diminuir o ritmo da casa. Então é preciso definir um roteiro, que será repetido toda noite, inclusive nos fins de semana: ir para o quarto, colocar o pijama, ir para o banheiro, escovar os dentes, dar um beijo nos pais e deitar, não necessariamente nessa ordem.

"A criança deve ser colocada no berço ou na cama acordada", ensina o médico. Contar uma história ou cantar uma música são práticas úteis para estimular o sono. Mas é preciso estabelecer limites, pois o filho sempre pede mais.

Deixar a criança dormir com um ursinho ou boneca é outro costume bem-vindo, segundo Moreira. "O brinquedo passa a ser associado ao sono e vira um substituto para a presença dos pais", comenta. O leitinho antes de dormir também pode ajudar, mas é fundamental que a criança escove os dentes depois, mesmo as menores.

O ambiente também conta para evitar problemas: "Não pode haver nenhum eletroeletrônico no quarto", diz o médico. Se houver a necessidade de manter alguma luz acesa, porque a criança tem medo do escuro, a lâmpada azul, de intensidade fraca, é a opção mais indicada, para não prejudicar a secreção da melatonina, o hormônio do sono.

Outro ponto importante é o horário. O especialista enfatiza que a criança tem que estar na cama antes das nove da noite. "Dormir além desse horário pode até aumentar o risco de obesidade", alerta.

Se a criança levantar no meio da noite e for até a cama dos pais, é preciso ser firme e levá-la de volta ao quarto. "Todo mundo acorda no meio da noite, vira para o lado e volta a dormir. Isso é o que a criança precisa aprender a fazer também", diz o médico. "Se os pais forem seguros, ela vai obedecer", garante.

Doenças do sono
Algumas doenças podem prejudicar o sono dos pequenos, por isso fique atento se seu filho ronca. Isso pode ser um indício de apneia do sono, síndrome caracterizada pela interrupção da respiração e afeta cerca de 2% das crianças. Ao contrário dos adultos com o problema, que apresentam sonolência diurna, os sintomas mais comuns nos pequenos são irritabilidade, falta de atenção e baixo rendimento na escola.

Em geral, a apneia infantil é tratada com uma cirurgia simples para retirada das amígdalas e das adenoides. Embora a ideia preocupe os pais, nesse caso é uma questão de custo-benefício: "A apneia pode resultar em alterações cardíacas e cerebrais", justifica o especialista.

Outro problema comum é a respiração bucal, síndrome que ocorre em cerca de um quarto das crianças e que pode prejudicar o desenvolvimento. Se o problema for constante, é recomendável procurar um especialista.

Já o sonambulismo, comum na infância, em geral não exige tratamento, a não ser que ocorra todas as noites. Mas lembre-se de proteger a criança de possíveis acidentes, com precauções como tirar objetos pontiagudos do quarto, colocar grade na janela e portão na escada.

12 comentários:

Pedro e mamãe Julianna disse...

Pedro nem dá trabalho na hora de dormir, o problema é qdo ele acorda de madrugada, aí sim...quer ir pra minha cama, chora...aaff, fico cansadíssima qdo isso acontece.

bjo nas crianças

Juli

NINA E NATHAN disse...

o rafa está lindão, heim...
ótimo seu texto, serve de lição pra mim. o nathan ainda dorme no meu quarto e pra piorar,como ele acordava a noite toda,tiramos a grade do berço e juntamos na nossa cama,tornando uma coisa só.claro que agora ele dorme anoite toda,até pq qndo quer, é só rolar e ficar grudadinho em mim. não é certto, mas é a unica maneira q enconteri de conseguir dormir depois de tanto. tempo.
bjoks

Luciana Pessanha disse...

Que rapaz mais lindo! Beijos, querida! saudades.

Tamires disse...

Lindo e um mocinho!
O Matheus tb esta lindoo!
Q bom q vcs estão bem!
Bjs!

**Valquíria** disse...

Raquelzinha privatizei o meu blog, me passe teu e-mail para eu adicioná-la valquiriaesteves@gmail.com
beijos
Val e Gui

Família Tricolor disse...

Haaa q lindo!!!!
Bjuuus gde em vcs!!!!Fico feliz em ter notícias de vcs!!

Susana disse...

Está sendo dificil? Tenho de começar a fazer isso ao João, ele adormece na minha cama e só o depois o pomos no berço. Seu filhote está lindo :) Beijinhos, Susana

Valquíria disse...

Oi Raquel!!!
Passei um e-mail te convidando para acessar o blog do Gui já que resolvi privatizar!!!beijão

cantinhodaisabella disse...

Qto tempo!!!!
Que saudades. Rafinha tá lindo!!!

Luciana Pessanha disse...

Ótima semana, querida! Beijos nos gatinhos.
Está convidada para um cafezinho e um fio de prosa no Mural de recados do blog do meu Gabriel.
Beijos

NINA E NATHAN disse...

estou com saudades! imagino sua correria...
AMIGA, VOU FECHER O MEU BLOG, ME MANDE UM E-MAIL PARA QUE EU POSSA CONVIDÁ-LA.: aniellyrodrigues@hotmail.com
bjoks

Camilinha disse...

oie,
seu bebê é muito fofo... e essa fase é tão gostosa neh minha mãe sempre cuidou de criança... agora eu vou ter uma ... minha! rsrs

boa sorte bjus